segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Cheio de Charme

Ano novo, dicas novas, livros novos...


Cheio de Charme é um daqueles livros individuais da Marian, então vocês não precisam se preocupar com a ordem (como nos da Familia Walsh). E como quase todos os livros "únicos", apresenta uma narrativa com múltiplos protagonistas, com histórias entrelaçadas e cuja relação você só vai entender completamente no final do livro. Somos apresentadas a quatro mulheres completamente diferentes, Lola, Grace, Marnie e Alicia, todas elas de alguma forma ligadas a Paddy de Courcy, um político cheio de charme, mas com lado negro que só estas mulheres tiveram o "prazer" de conhecer.

Lola é uma consultora de estilo com cabelo roxo, que até pouco tempo achava que era a namorada de Paddy, por isso topava todas as loucuras sexuais que ele desejava. Estava feliz até descobrir que Paddy ficara noivo de outra mulher através da TV. Arrasada, ela decide passar uma temporada em um chalé numa pequena cidade litorânea da Irlanda.

Grace é uma jornalista bem resolvida e bem casada. Paddy está no seu presente a trabalho, mas também marcou lugar no seu passado. Ele foi o namorado de sua irmã gêmea, Marnie. Será que Grace consegue lidar com seus problemas familiares e ao mesmo tempo conseguir uma exclusiva com Lola sobre seu affair com Paddy?

Marnie, por sua vez, depois de tantos anos não conseguiu esquecer Paddy, apesar de casada e com duas filhas lindas. Pelo vislumbre do passado, ela passará maus momentos.

Já Alicia é oficialmente a nova Sra. De Courcy, mas o que ela teve que fazer para conseguir o status de primeira dama?

Todas elas com um passado não resolvido e com um presente marcado por esse homem que pode ser um poço de charme, mas que com certeza tem esqueletos no armário.

Eu sou fã dos livros com múltiplos protagonistas da Marian, acredito que ela é uma das únicas autoras a executar uma narrativa bem desenvolvida e bem conectada com mais de 3 personagens centrais com maestria. E o que é melhor ainda, em terceira pessoa! Sem contar todo o suspense que envolve a história. Primeiramente somos apresentadas as personagens, que aparentemente não tem conexão alguma além de Paddy, mas a narrativa vai se desenvolvendo de uma forma que você não consegue deixar o livro de lado. Você fica torcendo para saber o que virá a seguir em suas vidas e ao mesmo tempo tentando descobrir os segredos do passado/presente deste homem diabolicamente charmoso.

Como sempre, Marian consegue acertar no humor sem esquecer questões profundas e sérias, que neste livro foram tratadas ao extremo. Alcoolismo, cross-dressing, câncer de pulmão e violência domestica são apenas alguns dos temas citados...

São 784 páginas de pura loucura Keyes que vocês não irão se arrepender. Apreciem sem moderação! 

Boa leitura! 

Beijos literários,

Fonte

4 comentários:

Alê disse...

Opa!!

Começando o ano com boa leitura.

PS: não queeeeeero trabalhar hoooooje!!!(desabafei!)

Mamis disse...

Comprei este livro em dezembro, mas como estou de férias ainda não li, mas vou, claro, quando meu cérebro voltar a funcionar ao final das férias. bjs

Giuliana: disse...

Este foi um dos livros que ganhei de Natal do namorado, estou louca pra terminar o que estou lendo pra lê-lo.

Marian Keyes é fenomenal! =]

Beijos

Ju disse...

como o submarino tá cheio dos problemas, ainda não estou com o meu ¬¬"

tou doida pra ler, mas preciso vencer uma batalha contra o senhor dos anéis antes.

alê, somos duas, tá DOSE trabalhar hoje!