segunda-feira, 29 de junho de 2009

Memórias de uma Infância Feliz: brinquedinhos I.

Olá pessoas! Eu tinha prometido continuar a saga infância feliz há tempos, só que meu computador passou alguns dias sem internet (Velox, morra!) e só voltou quando eu já tinha ido curtir meu São João em Caruaru ("é a capital do forró, é a capital do forró, é por isso que Caruaru é a capital do forró"). E como boa forrozeira emendei o São João com o final de semana e só voltei hoje pro Recife.

O assunto do post de hoje são os brinquedinhos que marcaram a nossa infância. Como são muuuuuuitos brinquedos (acessórios, bonecos, jogos, etc), vou dividir o post em dois (ou três, dependendo da quantidade que forem surgindo na minha memória e lembrados por vocês aqui nos comentários).
Boneco Fofão e Boneca Xuxa

Bem, nessa foto vocês podem ver a imagem de uma criança super simpática (ironia ao extremo, eu ODIAVA tirar foto). Ela é de 1988, eu tinha uns três anos e posei ao lado de todos os meus bonecos (atentem para o corte de cabelo a la "mãe por que você fazia isso comigo?"). Nessa foto podemos ver dois dos bonecos que mais chamaram atenção nas nossas infâncias: A Xuxa e o Fofão.

A história era que os dois tinham um punhal dentro deles e que a noite eles corriam atrás das criancinhas para cortar seus pescocinhos. Um prato cheio para crianças medrosas, como eu.
Aqui a história foi mais forte com o Fofão do que com a Xuxa, inclusive minha irmã abriu o boneco e encontrou o que na época ela achou ser o punhal (na verdade, era o que sustentava a cabeça dele). E, como diziam as instruções, queimou o nosso Fofão, para alívio meu e dela e infelicidade total da nossa mãe, que não levava muita fé nessa história.
Eu me lembro que até a adolescência eu morria de medo de chegar perto do Fofão que meu primo tinha (ele também não acreditou na história e poupou o boneco da fogueira). A boneca da Xuxa ainda ficou preservada por muito tempo aqui em casa até que minha mãe deu fim.
Bolinha de Sabão



Quem passou pela infância nos anos 80 e 90 e não lembra da propaganda da Boneca Bolinha de Sabão? Aquela que fazia assim: "Sentada na calçada de canudo e canequinha. Dublec dublim. Eu vi uma bonequinha. Dublec dublim. Fazer uma bolinha. Dublec duplim. Bolinha de sabão". Tinha dela morena e loirinha. Para matar a saudade, coloquei aqui o vídeo da propaganda.


Menina-flor

Boneca e flor ao mesmo tempo. Era só virar ao avesso a bonequinha, que virava um jarrinho de flor e quando virava de volta, era bonequinha de novo. A minha resistiu ao tempo e foi aposentada há menos de um ano. Minha mãe tinha algum tipo de apego sentimental com ela e a guardava no consultório dela. Tivemos que convence-la que a boneca já tinha dado o que tinha que dar.

Moranguinho

Adorava!! Tinha um monte: moranguinho, uvinha, cerejinha, laranjinha, pesseguinho, maçãzinha,, cafezinho, mentazinha, cocadinha, quindinzinho, melanciazinha, cravinho, amorinha, cajuzinho, margaridinha, amorzinho perfeito, noivinha e hortensiazinha. Ufa...

Boneco Feijãozinho

Foram várias versões dele até hoje: menino, menina, com cabelo grande, com cabelo pequeno, branquinho, moreninho, ruivinho. O meu era desse aí, aparentemente um menininho de cabelo curtinho loiro e macacão amarelo.

Fofolete

Eram bonecas pequenininhas (7 cm) que vinham dentro de uma caixinha.

Meu Querido Ponei

Eram cavalinhos de plástico com a crina parecida com o cabelo das barbies, que as meninas adoravam pentear e colorir do jeito que queriam.

Barbie Face e Barbie Hair

Vinha só a cabeça da barbie em uma base de plástico. A Barbie Face a gente podia maquiar do jeito que a gente quisesse (o gosto infantil para maquiagem é terrível, coitada da boneca); já a Barbie Hair vinha com escovinha e rolinhos para gente fazer nela os "melhores" penteados possíveis.

Casa da Barbie

Sonho de 10 entre 10 meninas que amavam brincar de barbie. Minha tia deu de presente uma dessas para minha irmã, então brincamos mooooooooooito com ela até cansar. Passou da minha irmã pra mim, depois para minha prima e só não chegou à minha sobrinha porque minha tia (a mesma que deu a casa de presente) fez o favor de se desfazer dela.

Kit-Frit

Outro clássico da infância. Vinha uma frigideirinha em que a gente colocava um pouco d'água e apertava o bujãozinho de gás para fazer bolhinhas. Vinham algumas comidinhas que colocávamos pra "fritar", como salsicha, ovo, filé, ervilha e hamburguer.

Super Massa



As massinhas eram vendidas sozinhas e em kits, como o do cabeleireiro, o do dentista e o da fazendinha. Era muito divertido, mas nossas mães deviam detestar, porque o chão ficava cheio de massinha depois da brincadeira.

Geleca



Outra campeã de meladeira e que até hoje ainda faz sucesso com a criançada.

Pulseira Bate Enrola



Um acessório comum demais em crianças na década de 90. Parecia uma régua, mas quando a gente batia no braço ela enrolava no nosso pulso, feito uma pulseira.

Óculos do Chaves


Era um óculos muito do esquisito que usávamos para tomar nosso Ki-Suco (lembram do post sobre comidinhas da infância?).

Pirocóptero



Quem não teve um pirocóptero (o pirulito que voa)?



Meu primeiro gradiente


Gravadorzinho da gradiente para a criançada soltar a voz (haja ouvido!)!

Master System e Atari


O Atari é um dos maiores clássicos para mim (não sou da época do telejogo). Tinha vários jogos legais, como o PacMan (ou come come, como a gente chamava); o Freeway (aquele que a galinha tinha que atravessar a rua); o Frog (o sapinho que tinha que atravessar a rua ou cruzar a lagoa e comer as moscas); Enduro (aquele do carrinho de corrida); Riveraid (o do aviãozinho); Megamania (joguinho de tiro); Pitfall (jogo de aventura!); e Keystone keeper (o do pega ladrão).
Já o Master System tinha clássicos como o jogo do Alex Kidd (que vinha na "memória" do video game; Castle of Illusion (o do Mickey); Mônica no Castelo do Dragão (versão de Wonderboy); Sonic the Hedgehog (super fácil de zerar); Columns; O da pistola que eu não lembro o nome, só lembro que era tipo um faroeste e que a gente dava tiro nos pratos e garrafas também; Jogos de Verão (super clássico, era uma coleção de jogos, tinha o da embaixadinha, o da bicicleta, do surf, do skate, do patins); e Indiana Jones.
Muitas vezes os cartuchos davam problema, por isso nos víamos obrigados a soprar cartucho e o buraquinho em que ele entrava no video game. Se era mito ou fato, eu não sei, mas que funcionava funcionava.
Genius

Tinhamos que repetir a sequência que o Genius fazia. A cada rodada, aumentava a velocidade e o número de movimentos das luzes.
Pense Bem

Parecia um computador e vinha com livrinhos para a gente responder a várias perguntas.

Bicicleta Caloi
Concorrente ferrenha da Monark. A minha Caloi era amarela e eu a adorava! Tinha uma propaganda que passava na época em que as crianças espalhavam pela casa um bilhetinho amarelo onde estava escrito: Não esqueça a minha Caloi. Depois eu tive outra bicicleta, preta e com marcha, mas daí surgiu a moda dos patins (falo deles no próximo post) e eu deixei minha bicicleta de lado.
Vai-Vem

Cada criança ficava de um lado e ia abrindo os braços (e as cordas) para a bola ir de um lado pro outro.

PogoBol
Toda criança adorava ficar pulando em cima do pogobol até ficar com o pé todo assado e machucado!
Lego e PlayMobil

Adorava os dois! Pena que eram caríssimos!

Murfy

Apertavámos a barriga do gorila pra ele dar gritinhos. Ele vinha vestido em várias versões: judoca, xerife, jogador de futebol e boxeador.
Lango Lango

Era um bonequinho que a gente colocava a mão, feito uma luva, apertava e ele ficava dando soco.
Fontes: Almanaque Anos 80 ; Kids 80; Infantv ; Você se Lembra ; Infância 80 ; Google

6 comentários:

Kha disse...

to comecando a achar que eu era uma crianca mto mimada... eu tinha praticamente TODOS os brinquedos citados.

Fofao eu tinha, mas nunca soube do instinto assassino dele. Ja a Xuxa eu nao queria nem que me matassem... morria de medo!

Tenho minha Bolinha de Sabao ate hoje! Minha reliquia de infancia! A minha eh a morena, assim como eu.

Moranguinho eu fazia colecao. Tao todas guardadas na casa da minha vo.

Querido ponei era o cavalo das minhas barbies.

casa da barbie era meu sonho! nunca tive!!! =/

Kit- Frit, nem sabia q isso tinha nome, mas eu adorava, e obviamente enchia de comida de verdade nas panelinhas.

Super massa e geleca enchiam de cabelo e poeira, mas eu adorava aahaha

Meu primeiro gradiente, atari, genius, pense bem... classicos!!! Amava os meus!

Confesso que fui numa loja de crianca ontem e fiquei namorando os legos! Continuam caros viu!!!

Adoro essa nostalgia!!!

Bjos

Babi disse...

Ahhh tbm sou mimada! tive todos e ainda tenho alguns ahsuahuahsus

Ahh nós éramos felizes e não sabíamos, fico feliz em saber que yes, tivemos infância!

E Mai senti saudade de tu, forrozeira loka!
E seu cabelo era lindinho! owoo muito fofuchinha! ahsuhsau

bjaoo

Rozinha disse...

Adorei o post... pena que eu e meus irmãos n conservavamos muito nossos brinquedos... n tenho mais nenhum. Minha tia nos chamava carinhosamente de "maquinas destruidoras'kakakakakakaka eita saudade. bju

Tacy ; ) disse...

Momento nostalgia total, que saudades da minha ifância gente! eu era feliz e nao sabia hahahahaha eu tinha a maioria dos brinquedos tbm!
O Fofao, acho que toda criança dessa epoca tinha um, eu lembro que meu pai abriu na epoca e nao encontrou nada dentro dele haha mesmo assim ele jogou fora e eu fiquei chorando porque perdi meu fofao hauahuhauhaua
Boneco feijaozinho que saudades, adoroa tanto a minha, uma das minhas preferidas!
A barbie eu so tinha uma, mais meu sonho era ter a coleçao completa eu pedia a todo mundo de presente e ngm me dava hauahuahuaha
Super massa como era gostos brincar disso, geleca eca haha, Pirocópterooooooooo, brincava tanto, tenho uma comunidade no orkut falando dele hihihi
Bicicleta Caloi, PogoBol...minha nossa quero voltar no tempo pra brincar disso tudo de novo haha as crianças de hoje em dia que so querem saber de video game e computador nao sabe o que eh bom!

Giuliana disse...

Maravilhaaaaaaaa de post! Que delicia lembrar da infância...rs. Eu amava bonecas, brinquei por muito tempo, até grande..rs

Bom, eu não fui tão mimada e não tive todos, mas tive alguns...rs.

Fofão nunca tive, morria de medo, e não tinha a mínima vontade de ter um..rs

Menina-flor...fofa demais, tinha a minha até pouco tempo, quando meus brinquedos foram doados..=D

Moranguinho...rs...e o cheirinho delas? delícia! Era encantada com a Fofolete, tive algumas...cabia na palma das mãos minúsculas..rs

Geleca...uau! Tudo de bom! Pulseira Bate Enrola...sensacional! Pirocóptero...quem nunca brincou com um? rs

Atariii...minha paixão...amava jogar com meu irmão.

Vai-Vem, pogobol...era bom demais..rs

Murfy...ficava brincando com o da minha amiga, tadinho, se ele pudesse realmente pedir socorro, ele pediria de tanto que eu apertava o coitado. Lango lango, o meu se não engano era azul...sempre gostei de qq coisa que lembra lutas...rs

Mas a minha grande paixão, que tenho até hoje, é a Ursinha Peposa...um dengo..eu sonhava em ter a família completa...rs

Ai ai...ô saudade!

Tia Ana disse...

Eu não peguei a época da boneca a época da boneca da Xuxa e nem da Bolinha de Sabão (já me achava grande pra brincar de boneca), mas vários dos outros eu tive ou brinquei com os dos amigos. Pra mim, faltou nessas listas o Ferrorama, o Autorama, o Super Trunfo, a mini lanchonete Mac Donald's, a Groselha vitaminada Milani (yahooooo! - tinha esse grito mesmo) também no sabor morango e framboesa, as balas Soft - redondas, enormes, aposto que sufocaram muitas crianças além de mim -, o drops Paquera, o chocolate Kri (atual Crunch)e as bolachinhas do Monstrinho Creck Creck (acho que escrevia assim), que já vinham mordidas pelos monstrinhos. Aliás, tem uma comunidade pra ela no Orkut, e até o Max participa dela (com o perfil pessoal mesmo). Se eu me lembrar de mais algum eu digo (minha memória de 30 anos e 13 meses ainda é muito boa).
Inté